21 de setembro de 2015

Manuel Valença

Manuel Pereira Bastos Valença foi um dos primeiros guarda-redes que passou pelo Futebol Clube do Porto nos primeiros anos da história do clube.
Era ainda um jovem estudante quando deu os primeiros passos como jogador dos portistas.
Quando integrou a equipa de futebol, viu-se tapado por outro grande guarda-redes, o inglês Peter Janson, que defendia a baliza dos Dragões em praticamente todos os jogos disputados, à excepção da Taça José Monteiro da Costa que apenas permitia que fossem utilizados jogadores de nacionalidade portuguesa. Assim Manuel Valença avançou para defender a baliza do F.C. Porto em todas as edições da referida taça.
Esteve cerca de dez anos ao serviço dos Dragões, entre 1910 e 1920, nesse período de tempo venceu por cinco vezes o Campeonato do Porto, por duas vezes a Taça Associação de Futebol do Porto e a Taça José Monteiro da Costa.
Manuel Valença esteve também presente em diversos jogos particulares que ficaram para a história do F.C. Porto, como a primeira vitória contra clubes estrangeiros disputada a 17 de Março de 1912 no Campo da Rainha contra os espanhóis do Real Fortuna de Vigo, ou o primeiro triunfo conseguido em Lisboa contra o Club Internacional de Foot-Ball por 3-2 no dia 6 de Outubro de 1912. No início de 1913 marcou presença no Torneio de Inauguração do Campo da Constituição.
Já no final da sua carreira, passou o testemunho na baliza dos Dragões a António Lino Moreira.
Depois de deixar o futebol, Manuel Valença, que chegou a Tenente-Coronel do Exercito, foi Comissário da Policia do Porto.

Palmarés
5 Campeonatos do Porto
2 Taças Associação de Futebol do Porto

14 de setembro de 2015

António Borges d´Avellar

Antonio Borges d´Avellar nasceu em Junho de 1873.
Foi o 6º presidente do Futebol Clube do Porto.
Assumiu a presidência dos Dragões em 1914, sucedendo a Joaquim Pereira da Silva e comandou os destinos do clube até 1916.
Foi durante o seu mandato que os portistas venceram a Taça José Monteiro da Costa e também o primeiro Campeonato do Porto na época de 1914/15, bem como a primeira Taça Associação de Futebol do Porto em 1915/16.

7 de setembro de 2015

Lipcsei

Péter Lipcsei nasceu no dia 28 de Março de 1972 em Karcincbarcika na Hungria.
Depois de ter passado por todos os escalões de formação do Ferencváros T.C. integrou o plantel principal na temporada de 1990/91. Jogou até ao final da época de 1994/95 no clube de Budapest, onde se afirmou como um dos melhores jogadores da equipa e a prova disso foi ter sido eleito o melhor jogador húngaro de 1991 e 1995. Venceu por duas vezes o campeonato da Hungria (1991/92 e 1994/95), ganhou quatro Taças da Hungria (1990/91, 1992/93, 1993/94 e 1994/95) e a Supertaça da Hungria por três vezes (1993, 1994 e 1995).
No início da época de 1995/96 foi contratado pelo Futebol Clube do Porto.
A sua estreia com a camisola dos Dragões aconteceu no dia 6 de Agosto de 1995 no Estádio José Alvalade onde os portistas defrontaram o Sporting C.P. na 1ª mão da Supertaça Cândido de Oliveira, troféu que os leoninos venceram.
Lipcsei depressa se afirmou como um dos títulares da equipa treinada por Bobby Robson. Era um médio de grande categoria que jogava em qualquer posição no meio-campo. Perto do final da temporada sofreu uma grave lesão que acabou por comprometer o seu rendimento, quando voltou a jogar nunca o fez com a mesma forma de antes.
Esteve ao serviço do F.C. Porto apenas na temporada de 1995/96, foi utilizado em 28 partidas oficiais e apontou 6 golos, tendo-se sagrado Campeão Nacional.
Em 1996/97 foi emprestado ao S.C. Espinho e na temporada seguinte, ainda por empréstimo, voltou ao Ferencváros T.C. Em 1998/99 transferiu-se para o S.V. Áustria Salzburg, onde esteve durante duas temporadas. Em 2000/01 regressou ao Ferencváros T.C. onde jogou mais dez temporadas, tendo ainda vencido por três vezes o campeonato húngaro (2000/01, 2003/04 e 2008/09), a Taça da Hungria por duas vezes (2002/03 e 2003/04) e a Supertaça da Hungria em 2004. No total foram 16 temporadas ao serviço do Ferencváros T.C. no mais alto escalão do futebol húngaro. No final da temporada de 2009/10 colocou um ponto final na sua carreira de futebolista.
Lipcsei foi Internacional pela Hungria por 58 vezes e marcou 1 golo.
Na temporada de 2016/17 foi o treinador dos juniores do Ferencváros T.C.

Palmarés
1 Campeonato Nacional 1ª Divisão (Portugal)
5 Campeonatos da Hungria
6 Taças da Hungria
4 Supertaças da Hungria