17 de julho de 2011

Amaury


Amaury da Silva nasceu no dia 6 de Março de 1942 em Marília (Marilha), Brasil.
Começou por jogar futebol nas camadas jovens de pequenos clubes da sua terra, até que com 17 anos é chamada à equipa principal do Associação Atlética São Bento de Marília. Dois anos mais tarde assina o seu primeiro contrato a nível profissional para representar o Guarani F.C. As boas exibições ao serviço do clube de Campinas valeram-lhe a chamada à selecção do Brasil e também a transferência para o Flamengo F.C.
No dia 16 de Junho de 1965 chegou a Portugal para ingressar no Futebol Clube do Porto onde disputou 30 partidas (19 campeonato, 8 Taça de Portugal e 3 Taça Cidades com Feira), tendo apontado 8 golos. No final dessa temporada de 1965/66, Amaury regressou ao Brasil para vestir a camisola do Santos F.C. a troco de 2.400 contos.

Palmarés:
1 Taça Associação de Futebol do Porto

5 comentários:

Anónimo disse...

Dos melhores futebolistas brasileiros que passaram pelo Clube; técnicamente acho que só superado pelo Osvaldo Silva; Deco também se lhe aproximaria; pena que só por... 6 meses (seria
"vendido" ao Santos.

Reparem no designer da camisola; isso sim, era camisola à... FC PORTO

Daniel Gonçalves disse...

Já que falaram nos melhores futebolistas brasileiros ao serviço do FC Porto, porque não falar também do Jabúru, do tempo do Dorival Ystrich. Eu não vi jogar nenhum deles, mas pelo que contam seriam os melhores. O melhor que eu vi a jogar foi o Deco.

Anónimo disse...

Amigo Daniel:


Ainda vimos o JABURÚ que era um possante ponta de lança enquanto
"existiu"... Yustrich.

O melhor de sempre (pontas de lança brasileiros), quanto a nós, no nosso Clube e não só, foi de facto o... JARDEL. O Azumir intermediou-os.

Mas são épocas muito distintas em termos de objectivos e sobretudo organização do... FC Porto.

Mas, estavamos a "falar" em... categoria técnica. E aí, pode crer, OSVALDO SILVA foi o melhor que vimos (com o Gastão, o Amauri, o Deco... e mais nada).

Vimos ainda dois grandes futebolistas (brasileiros) no nosso Clube que comparando com os de hoje... minha nossa senhora. Foram eles o LUIS ROBERTO (que é feito dele?) e o ROMEU GIBIM (já faleceu).

Era o tempo do... jogar mesmo futebol em que só pelo respirar
se via que estavam ali grandes jogadores.

Pena que o FC Porto desse tempo... enfim!

Daniel Gonçalves disse...

Caro Anónimo, grato pela sua lembranças desses futebolístas, e se o Sr. afirma que o Osvaldo Silva era o melhor técnicamente não coloco em causa a sua opinião, pena foi ele ter saído do nosso clube, indo primeiro para o Leixões e depois para o Sporting.
Mas penso que nos estamos a esquecer do Flávio, futebolísta dos inícios dos anos 70, que fez dupla com o Abel, também não o vi jogar, mas o meu Pai ainda viu as exibições dele.

Anónimo disse...

Amigo Daniel:

Recordar é viver...

OSVALDO SILVA foi uma "aquisição" de Yustricht (em 1957) mas seria foi "dispensado" pelo Bella Gutman (antes deste rumar à Luz em 1959); daí que na época seguinte (1959/60
)na deslocação do benfica ao Campo Santana (onde jogava o Leixões) o Osvaldo Silva após marcar o 2ºgolo
(2-1) foi ao banco do adversário tentar esfregar a camisola na cara do treinador que o haviadispensado
do FC Porto;na época imediatamente a seguir (1960/61) o Leixões viria às Antas vencer a Taça de Portugal (2-0) com um dos golos marcados pelo... Osvaldo Silva; na época de 1961/62,aí sim, rumaria a Alvalade onde ainda hoje, após muitos anos a sua morte, é idolatrado.

Sim! Ao falar-se do FLÁVIO está-se a falar de um dos melhores pontas de lança de sempre (nacionais e/ou estrangeiros) ao serviço do FCPorto
,técnicamente superior ao Jardel mas... Só que se tratou de um (bom)ponta de lança e OSVALDO SILVA foi um... excepcional futebolista.

Um abraço!