20 de janeiro de 2014

James Rodríguez

James David Rodríguez Rubio nasceu no dia 12 de Julho de 1991 em Cúcuta na Colômbia.
Foi na cidade de Ibagué , do estado de Tolima, que James passou quase toda a sua infância. Com apenas 5 anos entrou para a Academia Tolimense, um pequeno clube local onde começou desde muito cedo a ser a principal estrela da equipa. Em 2004, no torneio Pony Fútbol, não só foi o melhor marcador da prova, com 9 golos, como foi ele que decidiu a partida a favor da sua equipa na final, ao provocar um auto-golo e ao apontar um canto directo. Tudo isto com apenas 12 anos.
No ano seguinte foi contratado pelo Envigado F.C., clube da cidade de Medellín, onde continuou a sua formação e onde se estreou na equipa sénior no ano de 2007.
Em 2008 transferiu-se para o C.A. Banfield da Argentina. Passou assim a ser o mais jovem jogador estrangeiro a disputar uma partida no campeonato argentino e também o mais jovem estrangeiro a apontar um golo naquele país. Em 2009 continuou a ser uma das figuras do clube argentino e venceu o Torneo Apertura.
Em 2010/11 ingressou no Futebol clube do Porto. Na Europa veio encontrar um futebol diferente daquele que estava habituado a jogar, mas isso não o assustou e depressa começou a conquistar o seu espaço na formação titular dos Dragões.
Vestiu a camisola azul e branca durante 3 temporadas, nas quais sempre se sagrou Campeão Nacional. Venceu por 3 vezes a Supertaça Cândido de Oliveira. Conquistou a Taça de Portugal na época de 2010/11 onde foi o autor de 3 dos 6 golos da vitória portista na Final e venceu ainda a Liga Europa.
Foram 8 títulos em 3 anos, nada mau para um jovem jogador de 21 anos.
Na temporada de 2013/14 transferiu-se para o A.S. Mónaco. Já em 2014/15 rumou a Espanha para ingressar no Real Madrid C.F. No clube espanhol conquistou a Liga dos Campeões de 2015/16, a Supertaça Europeia e o Mundial de Clubes em 2016/17.
Esteve presente com a Selecção da Colômbia no Campeonato do Mundo de Futebol no Brasil de 2014. Foi o melhor marcador da prova assim como o autor do melhor golo e um dos melhores jogadores da competição.

Palmarés
1 Mundial de Clubes
1 Liga dos Campeões
1 Liga Europa
1 Supertaça Europeia
3 Campeonatos Nacionais 1ª Divisão (Portugal)
3 Supertaças Cândido de Oliveira
1 Taça de Portugal
1 Torneio Apertura (Argentina)

3 comentários:

Armando Pinto disse...

Sobre este nem vale a pena acrescentar mais, apenas basta dizer que deixou saudades e continua a ser uma recordação presente. Um ídolo dos tempos modernos e ainda bem vivos na nossa memória.

dragao vila pouca disse...

A pasta manda e o principado também. Acho que vai ficar aquém do que o seu talento perspectivava, mas muito rico.

Abraço

Tiago Ferreira disse...

Um jogador jovem, mas já com um palmarés de fazer inveja... Só é realmente de lamentar a opção pelo Mónaco para prosseguir carreira, penso que teria potencial para jogar num chelsea ou real madrid...