2 de março de 2015

Taça Campeonato do Porto

O Campeonato Regional do Porto foi uma competição distrital que foi disputada por clubes da região distrital do Porto entre as épocas de 1913/14 a 1946/47.
O primeiro passo para a realização do campeonato distrital foi dado no dia 3 de Outubro de 1913 quando o Futebol Clube do Porto e o Leixões S.C. fundaram a Associação de Futebol do Porto.
Na primeira edição da prova apenas houve três clubes a participar, o F.C. Porto, o Leixões S.C. e o Boavista F.C. que foi o vencedor. Com o decorrer da prova, durante os anos seguintes, foram vários os clubes que participaram na competição, com a curiosidade de na temporada de 1921/22 a Associação Académica de Coimbra ter também participado no campeonato como clube convidado.
Nas 34 edições da prova o F.C. Porto venceu por 30 vezes, o Boavista F.C. venceu por uma vez, o S.C. Salgueiros também venceu uma vez (1917/18), o Leixões S.C. conquistou igualmente um campeonato (1939/40) e o Académico F.C. ganhou de igual forma por uma vez (1941/42).
Foram 13 os clubes que ao longo da competição marcaram presença: F.C. Porto, Leixões S.C., Boavista F.C., Académico F.C., S.C. Espinho, Sport Progresso, Vilanovense F.C., C.D. Candal, Leça F.C., S.C. Coimbrões, Ramaldense F.C. e A. Académica Coimbra.
Ao longo da prova foram várias as vitórias dos Dragões com destaque para o triunfo sobre o S.C. Coimbrões por 19-1 no dia 22 de Janeiro de 1933 no Campo da Constituição, ou a vitória sobre o S.C. Salgueiros por 18-0 conseguida também no Campo da Constituição a 15 de Setembro de 1946.

2 comentários:

Pinto Felgueiras disse...

Mais uma ótima participação para a devida ilustração da História do F C Porto que nos enche os sentidos. Esta taça é deveras referida, em trabalhos historiadores, mas na prática pouco conhecida. Consta até do Museu do F C Porto by BMG. Mas não aparece muito na literatura existente. Um bom trabalho, com efeito.
Abraço.

Armando Pinto
Memória Portista

José Santos disse...

Tempos de grandes vitórias, desconhecido para muitos.
Excelente trabalho... É bom conhecer melhor a história do nosso FCP! :)