6 de outubro de 2014

Eleutério

António Eleutério Santos nasceu no dia 10 de Fevereiro de 1928 em Lisboa.
Depois de ter passado pelos escalões de formação do Clube Oriental de Lisboa (na altura ainda com o nome de Grupo Desportivo”Os Fósforos” de Lisboa), Eleutério ascendeu ao plantel principal do clube lisboeta e desde logo se cotou como um dos mais importantes jogadores da equipa.
Em 1952/53 chegou ao Futebol Clube do Porto e tal como tinha feito no seu anterior clube, também começou a sobressair no plantel azul e branco.
Esteve ao serviço dos Dragões durante cinco temporadas, tendo conquistado uma Taça Associação de Futebol do Porto, um Campeonato Nacional e uma Taça de Portugal, com os portistas a derrotarem o S.C. União Torreense por 2-0 na Final disputada no Estádio do Jamor no dia 27 de Maio de 1956.
Nos cinco anos em que esteve no F.C. Porto, Eleutério disputou 63 jogos oficiais, e marcou três golos. O último golo que marcou foi precisamente contra o seu primeiro clube, numa partida a contar para a 25ª jornada do Campeonato Nacional de 1956/57 em que os azuis e brancos venceram por 3-0.
No final da época de 1956/57 deixou o F.C. Porto.

Palmarés
1 Campeonato Nacional 1ª Divisão (Portugal)
1 Taça de Portugal
1 Taça Associação de Futebol do Porto

1 comentário:

Pinto Felgueiras disse...

Não foi já dos meus tempos, tendo apenas ouvido e lido sobre ele, obviamente. Mas, tendo representado o F C Porto naqueles tempos em que os futebolistas portistas para irem à seleção da FPF tinham de ser muitíssimo superiores aos outros, o Eleutério tinha e teve de ser mesmo bom para ter sido lembrado, então, como foi. O que diz muito do seu valor, além de ter ficado associado à geração dourada do F C Porto da segunda metade da década dos anos cinquentas.

Armando Pinto
Memória Portista