14 de outubro de 2013

Secretário

Carlos Alberto de Oliveira Secretário, nasceu no dia 12 de Maio de 1970 em São João da Madeira.
Depois de ter passado pelos escalões de formação do Sanjoanense A.C. e pelos juniores do Sporting C.P., durante uma temporada. Secretário ingressou nos juniores do Futebol Clube do Porto na época de 1986/87.
Em 1988/89 subiu ao escalão de sénior e foi emprestado ao Gil Vicente F.C. Nas duas temporadas seguintes e também por empréstimo representou o F.C. Penafiel. Foi depois emprestado ao F.C. Famalicão e ao S.C. Braga.
Na temporada de 1993/94 fixou-se em definitivo no plantel dos Dragões. Na sua primeira época com a camisola do F.C. Porto venceu a Supertaça Cândido de Oliveira e a Taça de Portugal. Na temporada seguinte sagrou-se Campeão Nacional, título que voltou a conquistar na época de 1995/96.
Em 1996/97 transferiu-se para o Real Madrid C.F. e no final dessa época venceu o campeonato espanhol, para em Agosto de 1997 ganhar a Supertaça de Espanha.
No início do ano de 1998 regressa ao F.C. Porto ainda a tempo de festejar mais um título de Campeão Nacional e mais uma Taça de Portugal conquistada.
Seguiram-se mais seis temporadas ao serviço dos Dragões, onde Secretário conquistou mais três títulos de Campeão, três Taças de Portugal, quatro Supertaças, uma Taça UEFA e uma Liga dos Campeões.
Na época de 2004/05 ingressou no F.C. Maia e terminou a sua carreira no final dessa temporada.
Curiosamente foi no F.C. Maia, na temporada de 2007/08, que Secretário se estreou como treinador, passou depois pelo comando do A.D. Lousada, F.C. Arouca e S.C. Salgueiros 08.
No dia 25 de Julho de 2014 voltou a vestir a camisola do Futebol Clube do Porto e a pisar o relvado do Estádio do Dragão para o jogo de homenagem e despedida a Deco.

Palmarés
1 Liga dos Campeões
1 Taça UEFA
6 Campeonatos Nacionais 1ª Divisão (Portugal)
5 Taças de Portugal
6 Supertaças Cândido de Oliveira
1 Campeonato de Espanha
1 Supertaça de Espanha

3 comentários:

Armando Pinto disse...

Simpático futebolista que atingiu plano de relevo, tendo alcançado lugar cimeiro no plantel do F C Porto e lhe deu asas para ter voado até ao Real Madrid. De grande utilidade e simplicidade de processos, era um defesa que normalmente se portava bem, em termos de jogo jogado, como se costuma dizer. O que diz tudo praticammente, tendo deixado um rasto de admiração nos adeptos.

dragao vila pouca disse...

Um extremo que deu um razoável lateral-direito. Saiu pela porta pequena para jogar no Real, mas ainda conseguiu regressar, o que foi um feito. Na época passada treinou o Salgueiros, esta acho que não está treinar ninguém e talvez por isso esteja gordinho.

Abraço

ℙΣ₦₮∀ ➀➈➆➄℠ disse...


deu-me/deu-nos muitas alegrias.
mas (e desde já peço desculpa por tal), de Carlos secretário, para mim e para sempre ficará gravada na memória aquela "assistência" para Beto Acosta...

abr@ço
Miguel | Tomo II