29 de fevereiro de 2016

John Jones

John Jones foi um dos primeiros futebolistas estrangeiros a vestir a camisola do Futebol Clube do Porto.
Vindo do Boavista F.C., na altura ainda designado: The Boavista Footballers, John Jones ingressou nos Dragões nos primeiros anos de existencia do clube azul e branco, tal como muitos outros jogadores ingleses, alguns vindos do Oporto Cricket Club.
John Jones fez parte da equipa que conseguiu obter a primeira vitória em Portugal contra um clube estrangeiro, no caso o Real Fortuna de Vigo, em Março de 1912 no Campo da Rainha. Também esteve na primeira vitória conseguida pelos portistas em Lisboa no dia 6 de Outubro de 1912 contra o Club Internacional de Foot-Ball por 3-2. Esteve ainda presente no Torneio de Inauguração do Campo da Constituição que foi disputado entre 26 de Janeiro e 2 de Fevereiro de 1913.
Participou ainda no primeiro Campeonato do Porto que foi vencido pelo seu anterior clube.


22 de fevereiro de 2016

Taça UEFA Liga Europa

A UEFA Liga Europa ou Taça UEFA, é a segunda competição de clubes mais importante organizada pela UEFA (União das Associações Europeias de Futebol).
Uma prova que em 1970/71 veio substituir a anterior competição que era designada por Taça das Cidades com Feiras e que teve início em 18 de Abril de 1955. No início da década de setenta a UEFA decidiu organizar a chamada Taça UEFA e acabar com a ligação às feiras de comércio.
A Taça UEFA tinha a particularidade de ser disputada a Final da prova em duas mãos, à excepção dos anos de 1964 e 1965, assim se manteve até 1998 quando o F.C. Inter Milan venceu a S.S. Lazio por 3-0 no Parque dos Príncipes em Paris. A partir da temporada de 2009/10 a prova voltou a sofrer alterações, passou a designar-se Liga Europa e a ter as equipas distribuídas por grupos, tal como já acontecia na Liga dos Campeões.
Assim, são ainda mais as equipas que lutam pelo belo troféu em prata colocado sobre uma base em mármore dourada e que foi desenhado e esculpido em Itália, na casa Bertoni em Milão, logo a seguir à base pode-se ver um grupo de jogadores que disputam uma bola e que ao mesmo tempo seguram a taça que leva o símbolo da UEFA. Um troféu com 65 centímetros de altura, 33 de largura, 23 de profundidade e que pesa 15 quilos.
O Futebol Clube do Porto já venceu a prova por duas vezes. Na época de 2002/03 venceu os escoceses do Celtic F.C. por 3-2 nacidade espanhola de Sevilha, e na temporada de 2010/11 quando derrotou o S.C. Braga por 1-0 em Dublin na Irlanda, uma final que entrou para a história do futebol nacional já que pela primeira vez duas equipas portuguesas disputaram uma final europeia.
Radamel Falcao com 18 golos é o melhor marcador do F.C. Porto na prova.
No total o F.C. Porto já disputou 100 partidas e venceu por 50 vezes. 

15 de fevereiro de 2016

Taipa

João Correia Gomes Taipa nasceu no dia 30 de Julho de 1922 no Porto.
Começou por jogar futebol do S.C. Freamunde em 1933 nos escalões de formação e apenas deixou o emblema da cidade dos Capões no verão de 1942.
No inicio da temporada de 1942/43 ingressou no Futebol Clube do Porto.
Foi durante as épocas de 1942/43 e 1943/44 que vestiu a camisola dos Dragões, com a estreia a ter lugar no Estádio do Lima no dia 18 de Outubro de 1942, quando o F.C. Porto recebeu e venceu o Leixões S.C. por 7-2 e onde Taipa se estreou também a marcar, já que foi ele o autor do sétimo golo dos portistas na partida que contou para a 2ª jornada do Campeonato do Porto de 1942/43.
Nas duas épocas em que representou o F.C. Porto, Taipa realizou 12 partidas oficiais e marcou 8 golos.
Ajudou a conquistar o Campeonato do Porto de 1942/43. Os Dragões ainda venceram o Campeonato do Porto da temporada seguinte mas Taipa não fez qualquer jogo nessa competição.
No final da época de 1943/44 deixou o F.C. Porto.
Voltou na temporada seguinte ao S.C. Freamunde onde jogou durante a restante carreira que terminou em Maio de 1966 numa partida particular entre o seu clube e o U.S.C. Paredes.
Em 1970 teve em sua honra uma festa de homenagem, com as partidas entre o S.C. Freamunde e F.C. Penafiel (que os penafidelenses venceram por 4-1) e entre o F.C. Porto e V. Guimarães (com vitória dos portistas por 2-0) e ainda onde lhe foram atribuídas as medalhas em ouro de comportamento exemplar e de mérito desportivo.
Taipa faleceu no dia 2 de Fevereiro de 2014.

Palmarés
1 Campeonato do Porto

8 de fevereiro de 2016

Co Adriaanse

Jacobus Adriaanse nasceu no dia 21 de Setembro de 1947 em Amesterdão na Holanda.
Nos seus tempos de juventude jogou futebol em clubes de menor dimensão de Amesterdão, até que em 1964 estreia-se a nível profissional no A.S.C. de Volewijckers, Jogando a defesa central, ficou no pequeno clube da capital holandesa durante seis temporadas. Em 1970/71 transferiu-se para o F.C. Utrecht tendo jogado outras seis épocas no clube do centro da Holanda.
Em 1984/85 estreou-se como treinador ao assumir o comando técnico do F.C. Zwolle, onde esteve por quatro épocas. Em 1988/89 muda-se para o ADO Den Haag, de onde saiu em 1992 para orientar a equipa B do F.C. Ajax. Ao fim de seis anos volta a mudar de ares, com a passagem para o Willem II, no emblema de Tilburg permaneceu três temporadas e em 2000/01 regressa ao F.C. Ajax mas desta vez para ser treinador da equipa principal. Na temporada seguinte leva o clube de Amesterdão ao título de Campeão mas abandona o clube no fim dessa temporada para se transferir para o AZ Alkmaar onde esteve durante três épocas.
Em 2005/06 chega ao Futebol Clube do Porto. 
Com um estilo disciplinador e ideias muito próprias começa por mudar a filosofia do jogo e passa a utilizar três defesas a partir do meio da temporada em diante. Os resultados acabam por lhe dar razão já que vence o Campeonato Nacional e também a Taça de Portugal, com uma vitória sobre o V. Setúbal por 1-0 na Final realizada no Estádio do Jamor a 14 de Maio de 2006.
Na temporada seguinte começou por orientar a equipa na pré-temporada mas deixou o clube a poucos dias do arranque oficial da época.
Em Dezembro de 2006 ingressa nos ucranianos do F.K. Metalurh Donetsk. Na época de 2007/08 viaja até ao Catar para ser o treinador do Al-Sadd S.C. Na temporada seguinte muda-se para a Áustria onde veio a assumir o comando do F.C. Red Bull Salzburg levando os austríacos à vitória no campeonato austríaco. Em 2009/10 regressa ao Catar para orientar a Selecção Sub-23 durante duas épocas. Já em 2011/12 volta à Holanda para ser o treinador do F.C. Twente, vencendo a Johan Cruijff Schaal (Supertaça holandesa) dessa temporada. Em Janeiro de 2012 é afastado do comando técnico e deixa o futebol, até que em Maio de 2014 aceita o convite do presidente do F.C. Utrecht para assumir o cargo de assessor técnico.

Palmarés
1 Campeonato Nacional 1ª Divisão (Portugal)
1 Taça de Portugal
1 Campeonato da Holanda
1 Campeonato da Áustria
1 Supertaça da Holanda

1 de fevereiro de 2016

Elísio Bessa

Elísio Bessa foi um dos primeiros futebolistas da história do Futebol Clube do Porto.
Pouco tempo depois de José Monteiro da Costa ter refundado o clube, em 1906, foram muitos os jovens que se alistaram no clube azul e branco e Elísio Bessa foi um deles.
Apesar de na época ainda não haver partidas oficiais em Portugal, os portistas já travavam lutas com clubes nacionais e também internacionais. Assim foi criada a Taça José Monteiro da Costa, uma competição que era disputada pelos clubes da cidade do Porto, mas que teve a participação da Associação Académica de Coimbra em algumas edições.
Na primeira edição da prova, em 1911, Elísio Bessa foi um dos jogadores dos Dragões que ajudou a conquistar a vitória na prova. Com o F.C. Porto, Boavista F.C. e Leixões S.C. a serem os participantes, os Dragões impuseram-se aos seus rivais, com uma vitória por 3-1 sobre os boavisteiros e 1-0 sobre os homens de Matosinhos.
Elísio Bessa acabou por deixar o F.C. Porto ainda nesse ano de 1911, mas ficou o seu nome na história do clube azul e branco.